9 dicas infalíveis de decoração

Os apetrechos profissionais em casa sabem como reforçar os pontos fortes da sua casa, esconder as suas falhas e torná-la atraente para quase todos. Conversamos com vários profissionais em todo o país para obter dicas para refrescar o interior de sua casa com baixo custo.

 

A profissional que entrevistamos Cristiane é uma das donas da Imobiliária em Ibiuna chamada Criz Imoveis, e nos contou 11 dicas infalíveis para decorar sua casa:

1. Defina o tom da porta da frente

Se você quer que sua casa cause uma ótima primeira impressão, pinte a porta da frente com um tom divertido e brilhante. “O vermelho é uma cor de sorte em muitas culturas”, diz Lara Cristiane, um stager baseado em Nova Jersey. Uma porta vermelha significava “bem-vinda” para viajantes cansados ​​nos primeiros Estados Unidos, e nas igrejas ela representa um refúgio seguro. Dois outros matizes ganharam favor: laranja e amarelo, de acordo com o Christopher Cristiane, de São Francisco. Ambas as cores estão associadas à alegria e ao calor. Uma coisa que deveria ser: uma porta de tela desatualizada. Livre-se dele ou substitua-o por uma porta de tempestade com vidro de comprimento total que você possa trocar por um painel blindado.

2. Mantenha as cores da parede leves e neutras

Atenha-se a cores como bege ou cinza, especialmente no primeiro andar, onde o fluxo é importante. “Você quer minimizar transições bruscas”, diz Cristiane. As paredes neutras oferecem a maior flexibilidade de decoração, permitindo que você alterne facilmente seus acessórios. E se você tem duas pequenas salas próximas umas das outras, pintá-las com a mesma cor neutra ajuda-as a se sentirem maiores. Olhe para uma faixa de tinta e mova para cima ou para baixo uma sombra ou duas para uma variação sutil de sala em sala, sugere Cristiane.

3. Certifique-se de que seu sofá combina com suas cadeiras

 

Pense em um bom lobby do hotel: a mobília é organizada em agrupamentos que convidam a conversação. Quando você colocar a mobília em sua sala de estar, procure um senso de equilíbrio e intimidade similar. “Uma área de conversação em forma de U, com um sofá e duas cadeiras de frente uma para a outra em cada extremidade da mesa de centro, ou em forma de H, com um sofá em frente a duas cadeiras e uma mesa de centro no meio. é ideal “, diz Cristiane, uma empresa sediada em Ibiuna. Um erro comum para evitar: Empurrando todos os móveis contra as paredes. “As pessoas fazem isso porque acham que isso fará com que seu quarto pareça maior, mas, na verdade, a flutuação dos móveis para longe das paredes faz com que a sala pareça maior”, diz ela.

4. Deixe o sol brilhar

 

“Quando se trata de cortinas pesadas e desatualizadas, um banco nu de janelas é melhor do que um feio”, diz Cristiane. Idealmente, os pensos para as janelas devem ser funcionais e elegantes: pense na combinação de painéis completos. Se o seu quarto tiver muito sol, opte por cores claras que não vão desaparecer. Os tecidos leves mais recomendados para painéis são misturas de algodão, linho e seda, pois tendem a se prender bem.

5. Pendure pelo menos um espelho em cada quarto

“Os espelhos podem fazer um espaço parecer mais brilhante porque refletem a luz ao redor da sala”, diz Cristiane. Mas colocar um no lugar errado pode ser quase tão ruim quanto não ter um. Coloque espelhos nas paredes perpendiculares às janelas, não diretamente na frente deles. Pendurar um espelho diretamente oposto a uma janela pode, na verdade, refletir a luz de volta pela janela.

6. Abuse das obras de arte em suas paredes

“Há poucas coisas mais ridículas do que pendurar pouca arte na parede”, diz Cristiane. O meio de uma foto deve ficar no nível dos olhos. Se uma pessoa é pequena e a outra alta, a média de suas alturas. Também leve em conta a escala; para uma parede grande, vá em frente com uma peça grande ou agrupe peças menores em estilo galeria. Para o último, não separe os quadros muito distantes; 2 a 4 polegadas entre itens geralmente parece melhor.

7. Capriche na iluminação

Cada sala deve ter três tipos de iluminação: ambiente, que fornece iluminação geral e muitas vezes vem de luminárias de teto; tarefa, que é freqüentemente encontrada em uma ilha de cozinha ou em um canto de leitura; e sotaque, que é mais decorativo, destacando, digamos, arte. Para uma sala de estar, você deve ter pelo menos 3 watts (42 lumens) por pé quadrado. Um truque visual Cristiane jura: usando uplights. “Colocar um canister em posição vertical ou um torchiere no canto dará um brilho no teto, fazendo um quarto parecer maior”, diz ele.

8. Escolha os tapetes certos para seus móveis

Siga estas regras básicas para um tapete de área: “Em uma sala de estar, todas as quatro pernas do sofá e cadeiras em um conjunto de móveis devem caber nele; o tapete deve definir a área de estar”, diz Cristiane. “No mínimo, as duas pernas dianteiras do sofá e das cadeiras devem ficar sobre ele”, acrescenta. Mesmo as salas de estar com proporções menos generosas geralmente exigem um tapete de 8 por 10 pés ou de 9 por 12 pés para acomodar adequadamente uma área de estar. Vá muito pequeno com o tamanho do tapete e tudo parece fora de escala.

 

9. Use truques visuais para elevar o teto

Se os seus tetos estiverem do lado de baixo, pinte-os de branco para que o ambiente pareça menos claustrofóbico. Pendure cortinas mais altas que as janelas, sugere Cristiane, para enganar seus olhos e pensar que a sala é mais alta. A maioria dos painéis de cortina padrão medem 84 ou 96 polegadas, permitindo que você percorra aproximadamente 3 polegadas acima da caixa da janela antes que o comprimento fique muito curto. Se você quiser pendurá-los mais alto, terá que pedir cortinas personalizadas. Amor painéis padronizados? Tente listras verticais; as linhas alongam visualmente suas paredes. Inclinar um grande espelho contra uma parede também pode fazer um quarto parecer mais alto.

9 dicas infalíveis de decoração
Avalie Este Artigo