De-coração

Olá!!!

O post de hoje é super especial, da nossa colaboradora Aline!

 

Prometi que não ia falar sobre amor- especificamente sobre você. Prometi pra mim, bem sério, então mudei drasticamente o rumo para não correr o risco de cair na tentação, assim como caio em todas as rodas de conversa onde estão nossos amigos em comum.

Decidi falar da decoração nova no meu quarto. É sempre bom mudar, ainda mais quando uma fase acaba. Confesso que não consegui jogar fora o relógio que você me deu- afinal você sempre reclamava dos meus atrasos para sair com você- e eu nem preciso mais tanto assim dele. Comprei umas flores pra trazer mais vida pro meu quarto -e levar essa saudade que insiste em me invadir para bem longe- e fiz alguns quadros com frases inspiradoras para decorar minha parede, já que suas fotos não poderiam mais permanecer ali. Aliás, foi difícil me desfazer das nossas fotos, minha irmã até jogou fora as que eu mais amava sem que eu percebesse, pois ela sabia o quanto tudo aquilo me torturava lentamente. Arrumei minha prateleira de maquiagem, e coloquei papel de parede na parede do espelho, como eu sempre quis.

Por fim, foi hora de redecorar meu coração, encher minha alma de cor novamente, e voltar a ver brilho no mundo como eu sempre vi. Procurei outras pessoas , mas em cada olhar diferente eu buscava enxergar teu sorriso conhecido, teu toque cheio de afeto e teu abraço que era puro amor, eu só não percebi que tudo isso deixou de existir quando você saiu da minha vida e fez questão de bater a porta. As fotos se foram, os corações que você me deu também, mas a mania de falar de você não vai embora, e por mais que eu saiba qual é meu rumo, teu nome ainda me causa sorriso, e a cada vez que o despertador toca, penso ser um encontro nosso e imagino teu sorriso ao me ver arrumada só pra te ver. Pronto. Falhei mais uma vez nessa inútil promessa de não falar sobre você.

 Aline Nascimento é paulista, vive em busca do seu brilho e conta algumas histórias lá no fim de inverno.